logo

Programação do 61º seminário do GEL


61º SEMINáRIO DO GEL - 2013
Título: Docentes de Língua Portuguesa: relação da história de vida com a leitura em sala de aula
Autor(es): Sdia Maria Soares Azevedo Rocha. In: SEMINÁRIO DO GEL, 61 , 2013, Programação... São Paulo (SP): GEL, 2013. Acesso em: 21/10/2019
Palavra-chave Histria,Saberes,Leitura
Resumo O presente trabalho foi idealizado na Pós-Graduação em Educação da UFT – Universidade Federal de Tocantins (PPGE), Ano/2012, durante a disciplina de História, Memória e Educação. As temáticas abordadas neste estudo são saberes identitários, conhecimentos adquiridos em ambientes não formais e formais e a aplicação dos conhecimentos no contexto escolar. Esta pesquisa tem como objetivo investigar qual a relação entre o conhecimento não escolar e escolar, construído pelo professor de Língua Portuguesa e a sua prática no processo de ensino e aprendizagem de leitura. A pesquisa procura analisar os saberes adquiridos e o processo de ensino destes professores, estabelecendo a relação entre os conhecimentos construídos por estes docentes ao longo da vida com sua prática de ensino. O estudo foi realizado com as professoras de Língua Portuguesa, que lecionam de 6º ao 9º Ano, em uma escola da rede estadual de educação, em Palmas - Tocantins. Foram entrevistadas quatro professoras, que narraram suas histórias de vida, o aprendizado e o ensino de leitura. Utilizamos a metodologia da história oral com vistas a entender a origem do conhecimento de leitura das educadoras. O método de história oral evidenciado nas obras de Meihy (2010) e Thompson (1992) e os saberes relacionados a identidade, experiência de vida e história profissional em Tardif (2012) e Nóvoa (1992). A prática de ensino de leitura nas obras de Koch (2009) e Antunes (2003) onde as atividades docentes devem garantir leituras diversificadas e motivadas, tendo como meta uma atividade crítica, que extrapole a mera decodificação de palavras. Dividiu-se a pesquisa em quatro partes: história oral como fonte da pesquisa, discussão teórica acerca da construção dos saberes docentes, história da elaboração do artigo e análise das entrevistas. O resultado parcial mostra, a partir da análise dos discursos, que professoras com dificuldades no aprendizado de leitura na infância, com vivências de leituras somente na graduação, possuem uma percepção diferenciada daquelas professoras que tiveram acesso a leitura desde a infância, mas todo o grupo tem compreensão da importância da leitura o mais cedo possível na vida do aluno. O educador precisa inteirar-se de sua cultura e de sua história, inserir na organização didática os recursos tecnológicos contemporâneos, conhecer dos meios de comunicação de massa e informática, a fim de propiciar o seu crescimento pessoal e profissional.