logo

Programação do 61º seminário do GEL


61º SEMINáRIO DO GEL - 2013
Título: O verbo auxiliar ‘dever’ na condição de verbo auxiliar: descrição dos valores modais em dados do português e do espanhol
Autor(es): SANDRA DENISE GASPARINI BASTOS. In: SEMINÁRIO DO GEL, 61 , 2013, Programação... São Paulo (SP): GEL, 2013. Acesso em: 21/10/2019
Palavra-chave verbo dever,modalidade,funcionalismo
Resumo Considerando o verbo modal 'dever' ('deber', em espanhol) e seu caráter polissêmico, que pode servir à expressão de diferentes modalidades, este trabalho tem por objetivo fazer uma descrição dos valores sintáticos, semânticos e pragmáticos desse verbo no português brasileiro e no espanhol peninsular, em dados de língua falada dos dois idiomas. Para o levantamento dos dados do português, utilizamos amostras pertencentes ao banco de dados IBORUNA (Projeto ALIP), mais especificamente da cidade de São José do Rio Preto. Para o levantamento de dados do espanhol, utilizamos amostras pertencentes ao Projeto PRESEEA (Proyecto para el estudio sociolingüístico del español de España y de América), mais especificamente da cidade espanhola de Alcalá de Henares. Para a realização da análise, adotamos a classificação de modalidade proposta por Hengeveld (2004) que, dentro de uma perspectiva funcionalista de análise, propõe dois parâmetros principais: alvo da avaliação, que se refere à parte do enunciado que é modalizada (modalidades orientadas para o participante, para o evento ou para a proposição), e domínio semântico em que a avaliação é feita, que considera os tipos de modalidade (facultativa, deôntica, epistêmica, volitiva e evidencial). Além desses dois parâmetros principais de análise, que nos auxiliam na tarefa de avaliar os diferentes efeitos de sentido decorrentes do emprego do modal, consideramos outros aspectos que estão diretamente relacionados ao tipo de modalidade, tais como as características do sujeito (pessoa, animacidade, agentividade), tempo e modo verbal em que o modal é empregado (alternância entre indicativo e subjuntivo), influência da negação e de outros elementos modalizadores antepostos ao modal. A proposta de análise está em consonância com Silva-Corvalán (1995) e Neves (2000, 2006), que ressaltam a importância do contexto no tratamento dos valores modais expressos pelo verbo 'dever' e por outros auxiliares modais. Espera-se que os resultados tragam contribuições para os estudos descritivos do português e do espanhol, em especial os de orientação funcionalista, e para os estudos de modalidade em geral.