logo

Programação do 61º seminário do GEL


61º SEMINáRIO DO GEL - 2013
Título: A Trajetória editorial da obra de Gabriel Soares de Sousa: aspectos linguísticos e filológicos
Autor(es): Bruna Baldini de Miranda. In: SEMINÁRIO DO GEL, 61 , 2013, Programação... São Paulo (SP): GEL, 2013. Acesso em: 14/10/2019
Palavra-chave lingustica histrica,filologia,lingustica
Resumo A presente pesquisa de mestrado - “A Trajetória editorial da obra de Gabriel Soares de Sousa: aspectos linguísticos e filológicos” - se propõe a cotejar o manuscrito original e a edição impressa póstuma de uma importante obra da historiografia portuguesa, com o objetivo de investigar as diferenças lingüísticas entre os dois textos. Trata-se das duas versões da obra de Gabriel Soares de Sousa (ca. 1540-1591), composta em 1587 sob o título Notícia do Brasil, e publicada em 1851 e 1879 sob o título Tratado Descriptivo do Brasil de 1587, em edição de F. A. Varnhagen. Além da consulta a essas duas versões, a pesquisa contará com a mais recente edição crítica da obra, Sousa (1587 [2009]), realizada por Fernanda Trindade Luciani. A partir daí se construirá uma base de dados com as variantes linguísticas encontradas, favorecendo futuros trabalhos de análise. A transcrição inicial, que partiu do cotejo dos 18 primeiros fólios com as duas edições póstumas organizadas por Varnhagen e publicadas respectivamente em 1851 e 1879, lançou as bases para a pesquisa preliminar que se desenvolveu no sentido de estabelecer uma metodologia para identificar aspectos filológicos e linguísticos bem como problemas relevantes em âmbitos interdisciplinares: além dos já citados filológico, linguístico e também o historiográfico, de modo que a presente pesquisa teve ainda um outro objetivo que foi justamente o de concatenar e alinhar esses diferentes vieses. Todo o embasamento se concretizará tomando por base as prerrogativas da Crítica Textual (Cambraia, 2005). O cotejo, etapa essencial da presente pesquisa, terá como base Galves et al 2005, pois ao comparar as duas versões do mesmo texto, a pesquisa pode chegar a contribuir para a compreensão das mudanças que se observam na Língua Portuguesa – em especial considerando-se as hipóteses segundo as quais o século XVI e o século XIX compreendem duas etapas gramaticais distintas. Como será feito um trabalho de transcrição diretamento do manuscrito, o embasamento será feito a partir de Cuesta (1989) e Castro (2004). E por fim, como um dos objetivos da presente pesquisa é a construção de uma base de dados, o respectivo embasamento se dará a partir de Paixão de Sousa (2007).