logo

Programação do 61º seminário do GEL


61º SEMINáRIO DO GEL - 2013
Título: Coesão e Coerência: uma análise do poema "Retrato" de Cecília Meireles."
Autor(es): ROSANA CARDOSO. In: SEMINÁRIO DO GEL, 61 , 2013, Programação... São Paulo (SP): GEL, 2013. Acesso em: 21/10/2019
Palavra-chave Coeso; ,Coerncia;,Lingustica textual.
Resumo Neste trabalho analisaremos o poema “Retrato”, de Cecília Meireles, nos aspectos de coesão e coerência, conforme estudos da Linguística Textual. É nos textos que a linguagem se manifesta de forma específica e a coerência e a coesão são princípios de compreensão textual. O leitor constrói a coerência através de seus conhecimentos e da materialidade linguística do texto. A coesão é um conceito semântico que diz respeito às relações de sentido entre os elementos do texto, a qual é notada explicitamente no texto por meio de marcas linguísticas, já a coerência ocorre de forma implícita no texto, pois está sempre relacionada aos contextos de situação. Em outras palavras, a coesão ocorre no nível microtextual e a coerência se manifesta no nível macrotextual. A coesão se relaciona com a coerência, pois coesão significa a ligação ou conexão dos elementos que compõem o texto. A coerência dá origem à textualidade porque o texto é composto por uma sequência de frases que se relacionam entre si e o fator que possibilita essas relações é a coerência. A interação do leitor com o texto e a situação comunicativa são elementos essenciais no processo da coerência. Sendo assim, o objetivo deste trabalho é verificar de que forma a coesão e a coerência se manifestam no poema “Retrato”, de Cecília Meireles. A análise é baseada especialmente nos estudos de Koch (2009) e Travaglia (1989), para os quais coesão e coerência são princípios de interpretabilidade do texto, havendo entre elas uma relação recíproca no processo da compreensão textual. A consideração inicial aponta para a seguinte conclusão: com base nos conhecimentos advindos da Linguística Textual, tais como a coesão e a coerência, verificamos que há no poema de Cecília Meireles uma organização textual bem elaborada o que lhe garante o engendramento de um sentido de transitoriedade da vida, transmitido com muito lirismo e musicalidade, que são marcas da poesia dessa autora consagrada da literatura brasileira.