logo

Programação do 61º seminário do GEL


61º SEMINáRIO DO GEL - 2013
Título: Análise discursiva da apresentação da Orientação Curricular - SEE e SME - São Paulo/2007
Autor(es): Nbia Nogueira Chinoca. In: SEMINÁRIO DO GEL, 61 , 2013, Programação... São Paulo (SP): GEL, 2013. Acesso em: 21/10/2019
Palavra-chave Discurso,Educao,Orientao curricular
Resumo O estudo aborda a Análise Discursiva da apresentação da Orientação Curricular realizada pelos Secretários da Educação da Cidade e do Estado de São Paulo, Alexandre Schneider e Maria Helena Guimarães de Castro, no ano de 2007. Este recorte que fazemos das Orientações Curriculares, nos permite aprofundar sobre a linha de trabalho esperado pelas políticas educacionais vigentes da época e sua intencionalidade na formação cultural e cognitiva dos alunos da rede pública dos anos iniciais. O desafio de convencer e persuadir o público alvo requer estratégias argumentativas e esquemas cognitivos muito bem estruturados, para conduzir o outro a aderir o seu pensamento. Essa organização acontece pelo fato do interlocutor apresentar uma memória discursiva que ao formular suas ideias atuais, retoma ao seu armazenamento discursivo, ou seja, a outros discursos e vivencias, que conceitualizamos como dialogismo. Quando pensamos na fase inicial da Análise Discursiva, nos referimos a sua materialidade: contexto de produção, período histórico e formação discursiva em que este enunciador encontra-se. Este levantamento nos auxilia a compreender este sujeito discursivo em seus aspectos histórico, ideológico, polifônico e dialógico. A Análise Discursiva, ciência que estuda a constituição e composição do discurso e a relação entre a formação ideológica e discursiva, conta com o auxilio de outras ciências como a antropologia, sociologia, psicanálise entre outras, para compreender os sentidos que são estabelecidos ao transmitir e promover um conceito. A mobilização e a articulação com outras ciências contribuem para uma análise mais profunda. Os enunciadores ao construírem seus discursos, tornando-o mais atrativo e eficaz, garantindo a adesão de suas ideias, articulam conhecimentos linguísticos e extralinguísticos, para convencer e persuadir o interlocutor. A proposta deste estudo é compreender por meio da Análise Discursiva toda estrutura filosófica, política, social, histórica e ideológica destes documentos que subsidiam o trabalho pedagógico dos professores e a construção do Projeto Político Pedagógico das escolas da rede pública de São Paulo. Enfim, fundamentado nos procedimentos e metodologias da Análise do Discurso, refletiremos sobre as relações de sentido e autoridade que é estabelecido nas apresentações das Orientações Curriculares formulados pelos Secretários da Educação da época.